www.bloggerbipolar.blogspot.com

www.bloggerbipolar.blogspot.com

Um pouco sobre bipolaridade, transtornos de humor, depressão, ansiedade...
tudo, ou nada!

capsulascoloridas@gmail.com

diariodeumbipolar@hotmail.com

#depressão #ansiedade #tdah #bipoloaridade #pânico #distimia #melancholia
_____________________________________________

quarta-feira, 16 de março de 2011

Perdido dentro de mim mesmo. Não acho a saída...

Algumas pessoas se irritam comigo porque minhas respostas mais comuns nos últimos tempos tem sido: Não sei e tanto faz. Minhas poucas preferências são totalmente incomuns; isto quando sei o que prefiro. 

Meu senso de humor é estranho, às vezes nem sei do que rir. Se tenho que sair de casa para diversão, não sei onde ir. Se vou a um restaurante, tanto faz o prato; se vou a um cinema tanto faz o filme. A sensação que tenho é que perdi o rumo da vida. Meu plano de vôo foi esquecido. A programação do meu software foi corrompida. E vai batendo aquela horrível sensação de vazio.... quem sou eu? onde estou?

Isto tudo me dá um desespero, porque antes da chegada da minha crise depressiva eu era uma pessoa decidida. Sabia o que queria, sabia onde ir. É como se minha personalidade estivesse apagando com o tempo. É como acordar todo dia uma nova pessoa. Mas isto não é nada bom, é como ter um Alzheimer consciente.



Estou trancado dentro de mim mesmo e não acho a saída.
Fico entre a cruz e a espada. Não sei se paro tudo e cuido da doença, ou se enfrento a vida mesmo sem força, fazendo o jogo dos felizes. Tenho medo de parar tudo e a vida passar. Pode ser que fique mais difícil a volta. Pode ser que essa parada seja ainda mais demorada do que penso. Se eu continuar, será que consigo reverter minha situação profissional e afetiva; mesmo sem força?

Não sei qual a relação exata com as medicações. Ainda não sei se é falta ou excesso de sensibilidade. O fato é que parei com os remédios e com a terapia. Mas sei que é fundamental a volta do tratamento, assim que me reestruturar financeiramente.

"Que seja quente ou seja frio, se for morno eu te vomito" (Apocalipse cap.16). Peço a Deus todos os dias forças para achar uma saída dessa escuridão, saber o que quero e me encontrar novamente; quente ou frio, certo ou errado, mas que seja a luz do meu verdadeiro Eu.

9 comentários:

  1. Sinceramente acho que deves buscar ajuda, é difícil atingir o equilíbrio estando sozinho.

    Então se você é religioso vá à igreja, ou procure o médico e reestabeleça o tratamento, se não está em condições procure o serviço público, ou ao menos desabafe com um amigo, peça carinho, atenção.

    Eu acredito que o primeiro passo pra se tratar e melhorar de vida é se aceitar, é admitir algum desvio ou sintoma pois quem 'simplesmente segue a vida como se nada existisse de errado', sem buscar ajuda/tratamento, acaba sofrendo bem mais e disso eu tenho certeza.

    Abraço

    ResponderExcluir
  2. O Mente Hiperativa mudou de endereço, confira o novo em:

    http://mente-hiperativa2.blogspot.com/

    Logo ele será atualizado diariamente e etará cheio de textos interessantes. Até mais.

    ResponderExcluir
  3. Não sei exatamente o nível de interferência da suspensão de tratamento para os bipolares. Só sei que bom não pode ser.

    Já passei por um período de depressão terrível, me tratei durante quase um ano, quando, livre dos sintomas, com a minha vida florescendo em todos os sentidos, suspendi a medicação. Em três ou quatro semanas a doença voltou com toda força, me lançando inclusive num princípio de pânico. Isso faz quatro anos, e, de lá para cá, a vida têm seguido numa boa, graças a Deus e ao meu cloridrato.

    Se cuide, amigo!

    Beijos

    ResponderExcluir
  4. É quase como eu me sinto, eu não consigo explicar o que eu sinto, eu sinto como se não pertencesse a esse mundo, é algo terrivelmente agonizante, triste e sem sentido...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu tbm estou dessa mesma forma..
      sem conseguir se expressar e da mesmo muita agonia, e realmente é triste e agonizante......
      e sem ninguém por perto, quando precisamos...

      Excluir
    2. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
  5. Eu encontrei a saída desse estado... pega um álcool e um pano limpo...umideSe com o álcool e o cheira por uns 30 s ... ae começa a limpar todas as suas coisas com esse paninho... o chão arranja um pano maior o joga álcool na água e passa no chão. Essa higiene vai mudar tudo tmb dentro de vc... foi a melhor coisa que eu aprendi.

    ResponderExcluir
  6. Eu encontrei a saída desse estado... pega um álcool e um pano limpo...umideSe com o álcool e o cheira por uns 30 s ... ae começa a limpar todas as suas coisas com esse paninho... o chão arranja um pano maior o joga álcool na água e passa no chão. Essa higiene vai mudar tudo tmb dentro de vc... foi a melhor coisa que eu aprendi.

    ResponderExcluir
  7. Exatamente,sou um ser desnecessário e substituível, sou trocável, e quem não é?? Vamos sempre viver nesse dilema, nessa rotina agoniante...
    Também espero que as coisas melhorem...
    Beijos.

    ResponderExcluir