www.bloggerbipolar.blogspot.com

Aviso: EU NÃO SOU BIPOLAR...MAS MEU PAI É.


www.bloggerbipolar.blogspot.com

Um pouco sobre bipolaridade, transtornos de humor, depressão, ansiedade...
tudo, ou nada!

diariodeumbipolar@hotmail.com

#depressão #ansiedade #tdah #bipoloaridade #pânico #distimia #melancholia
_____________________________________________

terça-feira, 4 de setembro de 2012

Um morto-vivo, é o que sou...(e tome Neozine pra dentro)

Não meus caros 3 leitores, eu n deixei de postar esses meses por ter melhorado...mto pelo contrário. Piorei muito sem remédios e sem acompanhamento. Pintou uma grana esses dias e consegui voltar para a terapia. Mais uma vez encontrei um anjo de luz que me cobrou um valor simbólico. Estou a dois meses na terapia. A psicóloga indicou um psiquiatra que também fez um preço mais baixo e agora o esquema é o seguinte:
. Dalmdorm 30mg + Neozine Gotas (6 gotas) Ao deitar;
. Cloridrato de Nortriptlina 50mg a tarde.
Resultado: nos 3 primeiros dias consegui dormir como um zumbi. Com o passar do tempo ficaram apenas os efeitos colaterais. Isso me desestimula a fazer o uso continuo, e aos finais de semana paro os remédios para poder ficar normal com minhas 3 doses de uísque.
A terapia tá um saco, pq no inicio é o msm blá blá blá até a psicóloga lembrar quem eu sou na próxima consulta.
Estou postando no celular, são 4 da manha.
Depois entro de novo e tento escrever algo mais atrativo. 
Por hora é o que temos.
That's all folks!!

17 comentários:

  1. Diante disso tudo eu ainda consigo ficar feliz, pois você encontra pessoas dispostas a te ajudar, que cobram valores simbólicos, que estão dispostas a te ouvir e certamente acreditam que podem fazer algo de bom por ti. Isso não é bom? Se não traz a solução para todos os teus problemas pelo menos deveria trazer algum acalanto à tua alma.

    Abraço!

    ResponderExcluir
  2. Tudo que eu queria, era não precisar mais de tomar remédios, poder tomar minha cerveja e não ter recaída. Mas quanto mais leio blog de bipolares, mais já desisti disto, ou não.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mesmo caso meu. Leio e desanimo. Mas gosto tanto de uma cervejinha e de prazeres tão "normais" que pego a medicação e e tomo com cerva mesmo, às vezes. Força pra gente!!

      Excluir
    2. nem sei se um dia vou poder voltar a tomar a cervejinha qie tanto aprecio

      Excluir
    3. Tenham fé td vai ser restaurado!

      Excluir
  3. Foda ter que tomar esses medicamentos, to sem os meus há 4 semanas! fico noites sem dormir, tenho muita enxaqueca... Mas odeio toma-los, me fazem engordar muito, e eu sou paranoica com peso! Já tive sérios problemas com anorexia/bulimia agora ta voltando tudo a tona, semana passada fiquei 5 dias sem comer ... Ta tenso, eu sei que eu sempre pioro sem eles, SEMPRE! Só esse ano fiquei internada em clinicas 2 vezes. Minha vida ta parada no tempo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Bruna,
      Essa questão do apetite é mto séria.
      Ou ficamos sem fome alguma ou comemos compulsivamente.
      Recomendo estabilizar o tempo da medicação.
      N desita. Sei que é a parte mais difícil, porém temos que
      insistir. Caso esteja realmente difícil manter uma estabilidade
      medicamentosa por longo prazo, procure uma terapia alternativa.
      Acumpultura, Ioga...e acompanhamento terapeutico semanal.
      Acho mais importante que os remédios.
      N fique paranoica com peso. N ligue para a sociedade agora, pense apenas em vc, no seu bem estar. Depois que estiver mais tranquila, mesmo gorda, vai conseguir perder peso com facilidade, te garanto.
      Um abraço.

      Excluir
    2. em varios momentos eu fico sem comer nao sinto fome me sinto fraca mas nao como,,,sera que estou alem de bipolar com inicio de bolimia

      Excluir
  4. Achei legal sua ironia em relação à psicóloga...isso é um bom sinal.

    ResponderExcluir
  5. Neozine é "foda", mas é ruim demais uma noite em claro.No nosso caso várias né.

    ResponderExcluir
  6. Acompanho e blog e to na mesma situação... Pode ser que vc se identifique, mas meus pensamentos estão assim:

    Um pedido de socorro...

    Memórias esquecidas num passado distante, oq dizer sobre elas, oq sentir hoje, num pensamento vago viajo através de tempos e tempos buscando respostas para me dar um pouco de chão e estrada para percorrer, nos olhos de outras pessoas vejo que uma estrela brilha com muita luminosidade quanto mais próximo se aproxima dela, mas oq lhe falta é um pouco de atitude e coragem para enfrentar oq lhe cai adiante, talvez pesadelos que não são reais num mundo real assuste um pouco as pessoas e as afastem da realidade que lhe foi submetidas, um futuro quase comprometido por promessas realizadas e por incrível que pareça cumpridas, um sonho distante que somente quem viaja a muito tempo é capaz de compreender, observar o fato de tudo parar, de tudo refletir e de tudo voltar, linhas e linhas em branco, paginas e paginas em branco sem uma gota de tinta derramada apenas sangue que prende a ultima página na capa do livro.
    O que mais querer e o que mais exigir de um mundo, na qual, ate para sonhar se paga um preço, onde entorpecentes são remédios receitados para tudo, onde não se cultiva mais nada de mais, não preciso de ajuda para viajar, não preciso de dinheiro pra sobreviver, não preciso de sentimentos para sentir. Quando cai a chuva em alguns campos surge aroma de mata molhada e vem em mente sonhos não vividos e sorrisos vistos, oq me parece tão real aconteceu num passado distante, na qual não me permito me desprender deste sonho que cerca minha vida e me atormenta ate hoje, imagens aparecem e somem em minha mente na velocidade da luz, a pergunta que me faço todo dia é oq eu quero... oq eles querem...não preciso justificar minhas atitudes, tudo tem um motivo, simplesmente não aguento mais, não vivo mais, não quero mais, sonhos profundos são muito perigosos quando se é puramente frustrante encaixa-los em nossas vidas, o pior de tudo é que tenho e não tenho, quero e ao mesmo tempo não quero, a única coisas que posso afirmar é que quero longe daqui, num mundo totalmente diferente, mas como me assegurar que lah exista vida, como me assegurar que um sonho dure para sempre, quando na verdade pode ser um pesadelo que irá durar para sempre....
    A vontade mais pura é de jogar tudo fora, tirar uma gota de meu sangue para ver oq corre por dentro, para ver se meus desejos ainda estão presentes em minhas células que vibram com a cor que aprece nos meus olhos, para ver se ainda nadam ao longo de meu corpo sentindo a pressão que existe nele, talvez sentindo mais que isso, talvez sentindo tudo a mais do que eu mesmo não sei, talvez tentando avisar, talvez reagindo, talvez querendo voltar.....
    Confusões acontecem dentro de uma caixa, nada entra em sintonia, os ouvidos doem e irritam as memórias que explodem como explode uma supernova, e percorrem todo seu corpo te estremecendo e deixando mais do que apenas um sentimento de medo, deixando também desejos de apagar e tentar descobrir oq há lah fora, deixando o desejo de desistir e o pedido do fim..... em meus olhos correm lágrimas, que são difíceis de explicar de onde são, apenas posso afirmar que são lágrimas que surgem enquanto meu coração pulsa e enquanto minha cabeça me obriga a ficar em alertar contra o mundo imaginário que me persegue.
    Tudo que me deixa exausta e me assustada é que eu acho que desisti de tudo, enquanto tudo gira e se passa diante de meus olhos, como se eu não estivesse ali, na verdade nunca estive e se estive algum dia foi por pouco tempo, só quero voltar e nunca ter desejado sair uma garantia de que nada mudaria.

    Desculpe erros de português... :)

    ResponderExcluir
  7. ... Eita, tão profundo que há momentos que só vc entende! Vazios internos são peculiares e particulares ... Tão tão que as vezes o nosso ego não separa a realidade. Deus com todos!

    ResponderExcluir
  8. ... Eita, tão profundo que há momentos que só vc entende! Vazios internos são peculiares e particulares ... Tão tão que as vezes o nosso ego não separa a realidade. Deus com todos!

    ResponderExcluir
  9. Complicado! Tbm passo por isso, mas tenho esperança q um dia vai passar!😑

    ResponderExcluir
  10. Não é fácil sentir esse vazio....ja me perguntei várias vezes o porque disso...gostaria de ser normal como algumas pessoas ao meu redor...poder acordar e ter um dia normal e depois poder deitar na cama e dormir em paz...nao sei oque é isso a muitos anos..nao sei oque e ter uma noite de sono a 17 anos....na verdade até já me acostumei....so durmo com medicamento ....ja foi muito triste um dia...agora...acho que aceitei que essa é a minha vida..as vezes me pego me perguntando o porque?! E logo tiro isso da minha cabeça.. .acredito que a solução pra mim e vencer os meus demônios..aquilo que eu me condeno..aquilo que eu mesmo me faço mal..ja melhorei bastante...parei de beber e drogas...melhorou 50% já.. ..gracaa a Deus..hoje ainda fico acordado..mais nao me faz tão mal assim..ate o final do ano de 2017 quero mudar muita coisa..espero e chegarei aos 90%...kkkkk posso até ficar acordado..mais vou irei ficar acordado sem acusação..e feliz comigo mesmo..Deus abençoe a todos ....boa sorte...Brunno Varao

    ResponderExcluir
  11. Boa tarde a todos!!! Tbm gostaria de compartilhar um pouco com vocês sobre os sintomas. Atualmente eu tomo neozine, sertralina, carbolitium e alprazolan. Lendo aqui, pude constatar que o que sentimos é igual, ou, às vezes, alternado. Já passei por períodos em que esse tal de 'vazio' quase me enlouquecia. Por bastante tempo era acompanhado por uma tristeza sem fim ou um desespero, daqueles que a gente tem que ir pro banheiro chorar, do nada. Fora os sintomas físicos como uma indisposição louca, porque ora você quer fazer algo e, de repente, vc desiste numa tristeza só. Sair da cama pela manhã tornou-se um dos meus pesadelos, faço vários ensaios até que vou tomar banho. Outro pesadelo!!!! Parece que vou morrer embaixo do chuveiro,até quando vou me enxugar. Desisto de fazer combinações das roupas e acabo usando a que estiver mais fácil. Sem auto-estima, sem concentração, sem paciência. E, pra terminar de acabar, depender dos remédios pra poder ter uma noite de sono, que, depois de certo tempo não nos dão mais sono. Meu nariz vive entupido, ou tenho muita vontade de comer ou nenhuma, não posso mias dirigir entre locais distantes (pa já cochilei algumas vezes no volante), o paladar, a audição e a visao são atingidos, etc...Depender de remédio pra ter uma vida quase normal não é fácil, mas pior é não podermos ir a um médico e não ter dinheiro pra comprar. Eu já fiz algumas tentativas de desmame, mas sempre pioro. Então eu volto a tomar, pq não quero chegar onde um dia cheguei. Boa sorte a todos!

    ResponderExcluir
  12. Estou a dois anos nesse vida de remédios. Pensei que com um ano ficaria bem. Perdi emprego. Meu namorado de 12 anos me deixou por outra, pois tinha medo de mim. Me sinto só e vazia. Durmo muito. Tive uma crise semana passada e me cortei. Para sentir algo. Meus pais não quiseram me internar. Sofro muito. Espero que esse ano ainda tenha boas notícias para todos nós.

    ResponderExcluir