www.bloggerbipolar.blogspot.com

Aviso: EU NÃO SOU BIPOLAR...MAS MEU PAI É.


www.bloggerbipolar.blogspot.com

Um pouco sobre bipolaridade, transtornos de humor, depressão, ansiedade...
tudo, ou nada!

diariodeumbipolar@hotmail.com

#depressão #ansiedade #tdah #bipoloaridade #pânico #distimia #melancholia
_____________________________________________

segunda-feira, 26 de dezembro de 2011

O Aborto, a Culpa, a Vitima...e o Fundo do Poço!

É hora de rasgar o verbo! A intenção do Blog não era essa? Então vamos mergulhar no fundo do poço, com ou sem escafandro. Viver como os Românticos, como os Ghóticos... Salvem os Bárbaros!
Então vamos abrir as feridas, sentir a dor de ser carne... admitir nossa podridão interna. Todos os nossos buracos fedem. A beleza é apenas a forma da natureza divina perpetuar à ópera do anjo caído. 



Esse Blog não é pra você Polyana, que ainda não sentiu essa dor e me acha mais um louco na esquina; mais um mendigo bêbado na calçada...uma mariposa aloprada ao redor do candeeiro...um verme preso no âmbar.
Vamos além da dor do desejo. Existe algo que vem antes...ou abaixo: A culpa!

Abortar à vida (com crase mesmo)....escarrar sem cuspir, engolir o muco. Como aquele sentimento masculino que emerge após o Nirvana ocidental, o único momento sem dor, segundos de morte...momentos sem mente: o orgasmo. 


Doce irrealidade,  mais uma armadilha da negação do poder, de privar o amor...a paixão ou um beijo. Então castraremos o dardo que fustigou a carne, e mergulharemos no gozo inverso da vontade.


Então eu que sou romântico, depressivo, bipolar, louco (como queiras chamar) não tenho saída a não ser encarar a fatídica culpa. Me tornar vítima. Por que não?

Me acomodar na confortável poltrona de espectador; já que sou incapaz de protagonizar na merda que vejo no palco. Doente é ser sadio nesta sociedade de psicopatas. Louco, senhora carola da missa dos domingos, é querer ser normal no meio da barbárie.
Então deixe-me só sr, Maçom. Feixem esta bosta desta página Rotaryanos e Lyoninos. Cuidadores da moral e dos bons costumes...ou seriam bons curtumes?
Me dêem então as pílulas, me anestesiem. Vou jogar a culpa pra baixo dos vossos tapetes e vou me sentir só uma vítima... Confortavelmente sedado.


Covardia, fraqueza, falta de caráter, doença...chamem do que quiser. 
- Não precisa se assustar Doutora, hoje apenas tirei a máscara....elas às vezes me tiram o fôlego....só às vezes...

3 comentários:

  1. Um intenso desabafo de um ser que pensa, que não quer sucumbir nem virar um morto-vivo às custas de remedios. Um lampejo de vida. A vida ainda vive.

    ResponderExcluir
  2. Mas um maluco de um sangue sulga bipolar

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Maluco mesmo, algum problema com isso? Tu deveria respeitar e não dar rótulos que estigmatizam, ainda mais se tu é tão superior por ser "normal". As pessoas que convivem com a bipolaridade são as mais corajosas que eu conheço. Todo dia é uma angústia, mas a gente continua brigando mesmo assim

      Excluir