www.bloggerbipolar.blogspot.com

Aviso: EU NÃO SOU BIPOLAR...MAS MEU PAI É.


www.bloggerbipolar.blogspot.com

Um pouco sobre bipolaridade, transtornos de humor, depressão, ansiedade...
tudo, ou nada!

diariodeumbipolar@hotmail.com

#depressão #ansiedade #tdah #bipoloaridade #pânico #distimia #melancholia
_____________________________________________

sábado, 22 de março de 2014

Mais um esquema pra teste...afinal, somos cobaias?

No consultório, as perguntas de sempre...
Começam falando amenidades. Do calor ou do tempo chuvoso, depois perguntam sobre sua família. Tudo em um clima forçadamente descontraído.

Após a médica checar, nesses dois minutos de conversa, algum indício de "anormalidade", vem a parte boa.
"Como é a sua vida familiar?; O que mais incomoda você?; Como é o seu sono?Já teve algum surto ou crise?; Já teve ou tem ideias suicidas?; bla bla bla...

Levei a lista que eu fiz, mostrada aí no post anterior.
Ela leu tudo mas não fez perguntas. Como em um roteiro de filme clichê, ela dá continuidade ao teatro. Levanta, pega umas amostras grátis na gaveta em um armário atrás de sua mesa; e se volta para mim dizendo que "vamos tentar esses novos remédios"

E com a frieza e precisão de um bom profissional de saúde, ela saca a caneta. Olhos fixos na mesa, arruma os blocos de receituários em sua frente e começa a escrever freneticamente. Se Beethoven passasse ali por trás e visse aquela cena, ele diria que a mulher estava compondo uma ópera magnífica, tamanha a agilidade dos seus pulsos que contradizia com a euforia contida do resto do seu corpo.

Momentos de silêncio...
Dizem que você sabe que tem sintonia com alguma pessoa, quando falta assunto e os dois ficam calados por questões de segundos, mas não fica aquele constrangimento de não ter o que falar. Apenas sentem a energia recíproca, em uma cumplicidade confortável, e nenhum dos dois se esforça para quebrar aquela estranha situação.  Não foi o caso da frenética e escritora e eu. 

Não foi o caso da frenética escritora e eu. O silêncio é para que seja mantida a concentração sobre a redação. Um momento em que acho que ambos pensam: Vamos acabar logo com isso, por favor. Para recompor o clima, ela eleva a cabeça,  e põe os papéis na minha frente de forma ágil porém simpática.


Novo Esquema:

Tolrest 50mg (Sertralina) 1x no almoço.    / Anti-depressivo
Depakote 500ER (Divalproato de sódio) 1x no jantar  / Estabilizador do Humor
Rivotril 0,25mg (clonazepan) sublingual 1x antes de dormir / Calmante
Stillram (hemitartarato de zolpidem) 10mg 1x ao deitar / Indutor do Sono

Resultado: 

Tolrest: Me deixa agitado, ansioso, porém com uma sensação de travamento.
perdi totalmente a fome. Meu cabelo caiu mais intensidade. Libido que já oscilava muito, agora foi pro chão...zero tesão (pela primeira vez em todo histórico de tratamento).

Depakote: Me deixa leso. Sinto um torpor estranho. Aperto no peito e angústia. Sensação de letargia até o início da noite.

Rivotril 0,25 sublingual: Pra mim que já cheguei a tomar 4mg pra dormir (2x 2mg) isso é água né. Mas faz um efeito placebo que não chega a ser desprezível.

Stilram: Esse sim. Gostei. Ele é um indutor de sono. Mas é hipinótico. Dá uma sensação de embriaguez. É perigoso tomar ele e ficar acordado. Como não tenho sono de jeito nenhum, invento de trabalhar e ficar na net depois dele. Resultado, passo emails que no outro dia não lembro, falo bobagens com as pessoas no bate papo do face que me arrependo no outro dia...enfim.
Mas dos males o menor. Ao invés de dormir as 5 ou 6 da manhã, com o Stilram eu fico tão louco, e tão mole, que termino capotando lá pras 2:30 / 3:00hs.

Cansei de escrever. Em outro post eu conto os outros capítulos da estória, pois já voltei a ela algumas vezes, relatando os efeitos deste e dos outros esquemas que ela me passou.  Pra resumir, hoje estou tomando Bup, entre outros docinhos. Mas isso é pauta para outro post.

31 comentários:

  1. Muda de médica. Eu fiquei 2 anos com um bem assim como vc descreveu, agora mudei e tenho muita empatia pelo atual. Me arrependo de nao ter feito isso antes. Somos carentes de pessoas que nos entendam, se vc sente que sua medica nao é capaz disso ela nao pode te ajudar. Ps: tenta dormir com melatonina. é natural e funciona mesmo.

    ResponderExcluir
  2. Tb sofro do msm mal.ja nao vejo as consultas medicas como um mau para o meu corpo...o mais importante pra mim eh estar lúcida e equilibrada.efeitos colaterais existem mas sao menores do que a falta de consciencia .estou nessa desde os 19 anos hoje com 43 anos vejo que muito do que sou devo a este transtorno bipolar.mas nao desisto faço terapia duas vezes por semana.ao meu modo sou feliz . abraço

    ResponderExcluir
  3. a minha médica , fixa olhando para um canto da mesa sei que deve ser um relógio, mas to nem aí estoro o horário legal, mas ela nem liga, da desconto na consulta, e ainda pego , amostras grátis com a secretária , e olha , é bastante assim o tratamento fica quase de graça , só tenho que comprar os tarjados.

    ResponderExcluir
  4. Comecei a ler seu blog ontem, achei muito bacana, também sou bipolar, acompanhei pouco sua história, por isso vou Perguntar: nunca te receitaram carbonato de lítio? Depois que comecei a tomar melhorei em questão de dias, o sono melhorou, as crises depressivas, as crises de ansiedade, melhorei "quase cem por cento " que cem por cento não existe. E aí, já tomou?

    ResponderExcluir
  5. Somos cobaias. Ainda não conheci alguém que tivesse dado certo com os primeiros remédios. Sempre há ajustes e/ou mudanças. Já tomei Sertralina, Topiramato, Rivotril, Anafranil... só engordei e tive crises. Agora estou com Trileptal e Aristab. Estou em depressão... sei lá qual será o próximo remédio para dar uma "melhorada" no humor.

    ResponderExcluir
  6. Nossa como é bom saber que não estou sozinha, como é bom saber que existem pessoas que sentem o mesmo que eu. Fui diagnosticada bipolar ano passado, depois de ter um surto psicótico, a minha médica desconfiou ser esquizofrenia, mas com as consultas que tive ela fechou meu diagnostico em bipolaridade, desde então passei a entender que tinha um nome para aquilo que eu senti a vida inteira, sempre vivi numa montanha russa de sentimentos, não consegui me fixar em nada, relacionamentos, planos, projetos, e isso sempre foi muito frustrante, nesse momento estou na fase depressiva, estou trancada no meu quarto desde de manha, sem ânimo pra nada, mas sei que isso vai passar, espero que passe logo.
    Parei o tratamento por conta própria, não suportei os sintomas, Depakote, Neozine, me deram reações muito desagradáveis, o único medicamento que tomo é o Fluxetina. Quem mais sofre nessa situação toda sou eu, muitas vezes eu finjo que esta tudo bem para n preocupar as pessoas que amo, mas só eu sei o que passa dentro de mim, sinto como se tivessem duas mãos comprimindo meu coração, é uma angústia tão forte que a única coisa que penso é em dormir, ai descubro que a insonia voltou, e os pensamentos não me deixam descansar.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa...ao ler o seu relato vc parece me descrever :(

      Excluir
    2. Nossa...ao ler o seu relato vc parece me descrever :(

      Excluir
    3. Ana
      Boa noite
      Sou bipolar a 20 anos já tive altos e baixos tomei tds remédios que vc pensar
      O que me estabilizou melhor foi seroquel
      Esse remédio me deixa 99%

      E não se asuste nossa doença é controlável
      E ainda traz vários benéficos
      Somos muito mais capaz do que as pessoas normais
      É só saber administrar

      Excluir
    4. Ana
      Boa noite
      Sou bipolar a 20 anos já tive altos e baixos tomei tds remédios que vc pensar
      O que me estabilizou melhor foi seroquel
      Esse remédio me deixa 99%

      E não se asuste nossa doença é controlável
      E ainda traz vários benéficos
      Somos muito mais capaz do que as pessoas normais
      É só saber administrar

      Excluir
  7. poxa estou me medicando a mais de semana e resultado sao esses ai descritos por vc

    ResponderExcluir
  8. O tolrest faz me lembrar quando eu misturava benzodiazepinas com álcool e no dia seguinte todo o mundo me vinha pedir satisfações de tudo o que eu fiz no dia anterior, e eu nem sequer me lembrava
    http://border-toxico.blogspot.com

    ResponderExcluir
  9. Depakote engorrrrrrrrda e o rivotril já sabe né?....

    ResponderExcluir
  10. Gostaria de saber se bipolares costuma proibir as pessoas que convivem com elas de sair de casa pro trabalho pra festas pra igreja e etc

    ResponderExcluir
  11. Eu não a conheço mas eu vi um comentário seu num blog sobre bipolaridade e DEUS tocou o meu coração de falar com você.
    DEUS ama você! E DEUS quer te alcançar no meio de toda a bagunça.
    Ele quer ser o teu socorro. DEUS sonhou uma vida linda para você.
    DEUS te conhece pelo teu nome. Ele consegue olhar no meio da multidão e te enxergar entre os homens. Pois ELE quer te fortalecer e te carregar no colo pelos lugares nde tu não consegue caminhar.

    Procure uma Igreja evangélica SÉRIA, onde JESUS não seja vendido por dinheiro. DEUS ta estedendo a mão para alccançar a tua e não o teu envelope cm dinheiro.
    "Ainda que eu ande pelo vale da sombra da morte, não temerei mal nenhum, porque tu estás comigo; o teu bordão e o teu cajado me consolam" Salmos 23:4

    Qualquer coisa pode falar aqui no e-mail

    ResponderExcluir
  12. Eu não a conheço mas eu vi um comentário seu num blog sobre bipolaridade e DEUS tocou o meu coração de falar com você.
    DEUS ama você! E DEUS quer te alcançar no meio de toda a bagunça.
    Ele quer ser o teu socorro. DEUS sonhou uma vida linda para você.
    DEUS te conhece pelo teu nome. Ele consegue olhar no meio da multidão e te enxergar entre os homens. Pois ELE quer te fortalecer e te carregar no colo pelos lugares nde tu não consegue caminhar.

    Procure uma Igreja evangélica SÉRIA, onde JESUS não seja vendido por dinheiro. DEUS ta estedendo a mão para alccançar a tua e não o teu envelope cm dinheiro.
    "Ainda que eu ande pelo vale da sombra da morte, não temerei mal nenhum, porque tu estás comigo; o teu bordão e o teu cajado me consolam" Salmos 23:4

    Qualquer coisa pode falar aqui no e-mail
    yhwhtsdikenu@gmail.com

    ResponderExcluir
  13. Oi tudo bom? Encontrei o seu blog quando estava fazendo uma pesquisa para começar o meu.
    Também sou bipolar, me trato há 7 anos e acho que vamos poder trocar várias informações úteis.
    http://colabipolar.blogspot.com.br/
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Estou com grupo de apoio Tb (83)987704396

      Excluir
    2. Estou com grupo de apoio Tb (83)987704396

      Excluir
  14. Leia sobre minha experiência em http://bipolareal.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  15. Leia sobre minha experiência em http://bipolareal.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  16. Espero que esteja feliz onde quer que você esteja <3

    ResponderExcluir
  17. Cade você? Espero que esteja bem, porque ver seu blog me deu muita muita muita força mesmo

    ResponderExcluir