www.bloggerbipolar.blogspot.com

Aviso: EU NÃO SOU BIPOLAR...MAS MEU PAI É.


www.bloggerbipolar.blogspot.com

Um pouco sobre bipolaridade, transtornos de humor, depressão, ansiedade...
tudo, ou nada!

diariodeumbipolar@hotmail.com

#depressão #ansiedade #tdah #bipoloaridade #pânico #distimia #melancholia
_____________________________________________

terça-feira, 18 de dezembro de 2012

Pé quebrado e Mente "Torcida" precisam de um raio-X...

A maioria das pessoas "normais" vivem no piloto automático da vida. Trabalho casa, casa trabalho. Daí acontece um problema nesse percursso e pronto, lé vem os velhos sintomas do início do que todos chamam de depressão. Depois de muita resitência, vergonha, dificuldade de lidar com os sintomas, vem a procura por tratamento. Geralmente começa por um psiquiatra. 

Esta figiurinha, na maioria das vezes vai te ouvir por 40min e vai passar uma receitinha que já tem até pronta em sua gaveta: Fluoxetina + Clonazepan. Alguns outros podem fazer uma leve alteração com um ou outra substância. E vai mandar a pessoa voltar em 30 dias. Se esta pessoa tiver sorte e possuir o mínimo de conhecimento do processo, vai saber que remédios não curam ninguém, apenas amenizam a dor. 

Imagine que você torceu o pé. Está doendo muito. Então você toma um analgésico para aliviar a dor, mas não acompanha a lesão. Não tira um raio-x, não procura um médico...nada. Seu corpo talvez possa se recuperar do trauma sozinho; mas também poderia acontecer uma grave infecção. 
Com traumas em nossa mente acontece a mesma coisa. Se tratamos  apenas com tranquilizantes, e esperamos que o corpo reaja sozinho corremos risco. É ai que mora o perigo dos barbitúricos, pois eles anestesiam a dor, mas não agem sobre a causa da dor. E este problema pode crescer sem que o paciente saiba, e diferente de uma infecção, um problema psiquiátrico não tem seus sintomas diagnosticados assim com tanta facilidade.Então o caminho é fazer um raio-x da mente e dos pensamentos. E quem faz isto? A psicologia ou psicanálise.

Procurar ajuda psicológica não quer dizer que você vai poder parar de tomar remédios. O trauma de um pé torcido exige raio-x e analgésicos e por vezes moletas, os traumas da mente também. Mesmo que você já não sinta tanta dor, depois de um tempo de tratamento, você ainda vai precisar de exames de acompanhamento e moletas, em alguns casos pro resto da vida. Assim também é com nossa mente. Mesmo com acompanhamento psicológico, o paciente precisa dos remédios, que servem como moletas, mas também precisa do acompanhamento do trauma, que seria a ajuda psicológica.